Educação para o trânsito chega a mais de 600 pessoas em cidades da MG-050

Monday, April 4, 2016


A AB Nascentes das Gerais realizou 12 eventos em fevereiro e março para discutir educação para o trânsito ao longo de cidades área de influência do Sistema MG-050/BR-265/BR-491. A equipe do Plano de Gestão Social (PGS) visitou secretarias municipais de educação para construir, em conjunto, um plano de capacitação dos professores. Além disso, foram feitas palestras em empresas e escolas das regiões Centro-Oeste e Sudoeste de Minas Gerais e houve a entrega do prêmio Mandando Bem no Trânsito. As atividades desenvolvidas pelo PGS alcançaram mais de 600 pessoas.
Entre as cidades visitadas pela equipe da concessionária estão Itaúna, Divinópolis, Córrego Fundo, Passos e Itaú de Minas. Essa "caravana" da Educação no Trânsito é importante para mobilizar as comunidades e também os profissionais que trabalham com educação nas escolas. "As palestras em empresas chamam a atenção daqueles que utilizam a rodovia com frequência e, não raro, cometem imprudências no trânsito", afirma Marcela Rezende, coordenadora do PGS da concessionária.
O envolvimento das comunidades com a educação no trânsito também é importante. "Estamos em contato permanente com as escolas para capacitarmos os professores e consequentemente levarmos aos estudantes a mensagem de que é dever de todos nós evitar acidentes em trânsito", diz Marcela.
A secretaria municipal de educação e esporte de Itaú de Minas, Maria Flávia de Oliveira, destacou o simbolismo da premiação do concurso Mandando Bem no Trânsito e a presença da AB Nascentes das Gerais no município. "Ninguém faz trabalhos pensando numa recompensa. A recompensa é ver o seu trabalho publicado, reconhecido por todos. Agradecemos a AB Nascentes das Gerais por essa iniciativa", afirma.
A professora Fernanda Ribeiro, da Escola Estadual Ilídio da Costa Pereira, de Divinópolis, coordenou a construção do melhor projeto pedagógico do Mandando Bem no Trânsito. Para ela, o estímulo da concessionária em tratar o assunto nas salas de aula faz a diferença. "Por causa da AB Nascentes das Gerais veio a motivação de construirmos um projeto para trabalhar a educação para o trânsito em sala de aula. A concessionária motiva a gente a levar para os estudantes esse tema tão importante que é a educação para o trânsito", declara.
O estudante Luís Fernandes Evangelista, da Escola Municipal Padre Waldemar Antônio de Pádua, em Itaúna, é o exemplo de como a educação para o trânsito muda o comportamento dos mais jovens. Aos 10 anos, ele foi premiado no Mandando Bem no Trânsito na categoria frase e já mostra consciência. "Eu aprendi que no trânsito é preciso ter muito cuidado. E fico mais feliz porque foi a primeira vez que ganhei um prêmio dessa relevância", relata.